quinta-feira, 22 de setembro de 2011


Eu sou a que
no mundo anda perdida.
Eu sou a que na vida
não tem norte

Sou aquela que passa
e ninguém vê...
Sou a que chamam
triste sem o ser...

Sou a que chora
sem saber porquê...
Sou talvez a visão
que Alguém sonhou,


Alguém que veio ao mundo
pra me ver,
E que nunca na vida
me encontrou!

*****

Florbela Espanca

8 comentários:

Mateus Luciano disse... [Responder]

muito bom !

Anônimo disse... [Responder]

“Sou talvez a visão que Alguém sonhou. Alguém que veio ao mundo pra me ver. E que nunca na vida me encontrou!”

É triste, melancolico e lindo!

Identifico-me muito com Espanca e este poema resume-se na história da minha vida. Uma pessoa perdida e incompreedida...

Belíssima postagem... Parabéns!...

Orvalho do Céu disse... [Responder]

Olá, querida
O final é lindíssimo!!!
Bjm de paz e ótima primavera!!!

Sonhadora disse... [Responder]

Minha querida

Lindo este poema de Florbela que eu adoro.

Deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

Everson Russo disse... [Responder]

Me encontrei nesse poema,,,as vezes a gente anda pelo mundo carregando um vazio no peito, como se ninguém nos visse, nos sentisse, e pior, nos amasse,,,é meio que ver o mundo todo e andar na contra mão...beijos querida e um lindo dia e uma ótima semana pra ti,,,flores e flores azuis sobre o teclado...

Everson Russo disse... [Responder]

Uma segunda feira toda linda pra ti minha amiga querida....beijos e beijos.

Everson Russo disse... [Responder]

Um dia todo lindo pra ti minha querida...beijos e beijos.

Riff disse... [Responder]

Cruz Credo da Benta Hora....

Olha...esta Florbela Espanca é uma chata de galocha...sem contar q. a bicha era feia pra ka-ra-lho...Talvez seja este o motivo de tanta depressão, de tanta tristeza e de falta de interesse pela vida....

Existem pessoas, q.não sabem conviver com o "feio exterior", acham q. isto é prerrogativa necessária e suficiente para ter a aceitação e conquista da tão sonhada felicidade....

Mentira... a FELICIDADE esta dentro da gente, precisa ser cuspida pra fora numa musculação diária de q. somos FRUTOS DA CRIAÇÃO DE DEUS...

Deus deseja q. sejamos felizes e a entrega do não amor a vida, do não amor a si próprio o deixa muitoooo triste e insatisfeito conosco...

Não gosto desta Poetisa deprê...Eu escolho os versos e poemas q. visam e defendem a luta pela felicidade, sendo ela feia, bonita, pobre ou rica. Prefiro ficar longe desta mala sem alça desta Florbela Espanca...Tenho vontade é de espancá-la por tamanha entrega e covardia neste poço de desilusão em q. trascreve seus poemas....

Não deixam se ser poemas ricos, fortes e inteligentes, mais LONGE DE MIM....

Bjitos mil minha amada AMIGA FÁTIMA e tb. p. Clarinha e Ana ( nos falamos no face )

Vez ou outra passo por aki pra me deliciar com estas festas, pratos e confraternizações prá lá de saudável....

Gosto assim...Vida saudável ao lado de pessoas saudáveis, normais e reais....















LinkWithin

Related Posts with Thumbnails